Xiaomi diz que acusações de segurança não são bem assim

Segundo um Artigo Recente bởi parte da conceituada Revesta Forbes, một Xiaomi estava a recolher uma enorme quantidade de dados dos effizadores. Isto era feito sobretudo através do Mi Browser. Pode ler mais sobre isto aqui. Một trọng tài notícia que os dados recolhidos vão desde meras Informações de useização até dados que podem nhận dạng là pessoas. De facto, esta Informação caiu como uma bomba na Internet. Agora a gigante chinesa contra-ataca ea Xiaomi afirma que não rouba nada a ninguém e esta questão de segurança não é o que parece.

Xiaomi diz que acusações de segurança não são bem assim

A publicação da Forbes afirma que o Mi Browser da Xiaomi recolhe Informações como os các trang web visitados pelo Pracizador. Também inclui pesquisas e outros dados que Surm no feed de notícias do browser. Para piorar as coisas, o mesmo Artigo revela que esta empresa recolheu estes dados confidenciais mesmo quando os Operatingizadores usavam o browser no modo de navegação anónimo.

Apesar de até existir alguma encriptação dos dados dos Pracizadores, era usado o sistema Base64, que éosystemmente ultrapassável. Para além disso referiram que as Informações estavam a ser enviadas para servidores remotos em Singapura e na Rússia. Entretanto, một tạp chí Forbes também afirmou que os outros desenvolvidos pela Xiaomi – Mi Browser Pro e Mint Browser, também tinham os mesmos “mecanismos de recolha de dados”.

Depois da confusão, một Xiaomi đáp lại một estas alegações negando todas as Informações publicadas pela Forbes.

A empresa afirma que semper teve a privacidade dos usingizadores ea segurança na Internet como uma das suas Principais prioridades. Entretanto, esta empresa explicou as suas práticas de recolha de dados numa lềuativa de garantir que não é o que parece. Além disso, afirma que os Operatingizadores não bộ acreditar em “notícias falsas” que venham a desonrar a sua uy tín.

De acordo com a publicação da empresa, a Xiaomi recolhe dois tipos de dados: dados estatísticos agregados de useização ea sincronização dos dados de navegação do effizador. Este último inclui Informações como o histórico de dados de navegação que são sincronizados quando o Pracizador começa a usar o browser e quando a função de sincronização de dados está ativada. Aqui inclui-se Informações làm sistema, preferências e muitas coisas que segundo a Xiaomi outros browser também fazem.

Entretanto esta empresa afirma que não está a recolher informationações ou o histórico làm trình duyệt quando as pessoas estão no modo de navegação anónimo. Para provar tudo isto que está a dizer, a Xiaomi partilhou o có fonte làm trình duyệt. Entretanto, apesar da resposta da Xiaomi os Invesadores da Forbes ainda não estão convencidos. Para eles, esta empresa ainda está a recolher dados sobre o smartphone, incluindo números Excivos para Idificar o dispositivo específico ea versão do Android.